Folder_02.indd

ENCONTROS CARBÔNICOS

Exposição
27.03.2014 - 26.04.2014

Uma exposição coletiva de arte contemporânea, com a participação de artistas e cientistas para diálogos transdisciplinares, aconteceu na Despina | Largo das Artes durante quatro semanas, de 27 de março a 26 de abril de 2014. Esta foi a primeira edição dos ‘Encontros Carbônicos’, projeto idealizado pelos editores da Revista Carbono, Marina Fraga e Pedro Urano.

A mostra reuniu artistas que estiveram nas páginas da revista. São eles: Otavio Schipper, Fábia Schnoor, Mayra Martins Redin, Lilian Zaremba, Rodolfo Caesar, Danilo Carvalho, Leila Danziger, Maria MazzilloRaquel Versieux. De maneiras mais ou menos explícitas, as obras expostas materializaram o diálogo entre arte e ciência.

É o caso de ‘A velocidade da luz’, de Otavio Schipper, em que o artista construiu um ponto de fuga com metrônomos, monóculos antigos e chaves de telégrafo conectados por cabos de aço, articulando a invenção da perspectiva pelo arquiteto renascentista Brunelleschi, com a reconstrução poética de um dispositivo desenhado para medir a velocidade da luz.

A exposição compreendeu um grupo heterogêneo de obras em diferentes suportes. Mayra Martins Redin apresentou a série ‘Escuta da escuta’, premiada na última exposição Novíssimos, da Galeria Ibeu; Lilian Zaremba exibiu um vídeo no qual investiga a pedra de galena, mineral eletromagnético que serviu de base para a criação da transmissão por ondas de rádio. A força eletromagnética esteve também no centro da obra ‘Imagem em latência’, de Maria Mazillo. Fábia Schnoor mostrou a série ‘Traças, Pontos e Linhas’, em que explora o percurso deixado por traças em um antigo livro sobre a vida dos animais.

Danilo Carvalho exibiu um filme no qual resgata a memória da capital cearense a partir de registros amadores em película super 8mm. Leila Danziger apresentou obras em que realiza um apagamento seletivo de páginas do caderno de ciências de um jornal. O músico e pesquisador Rodolfo Caesar, que estudou com Pierre Schaeffer no Groupe de Recherches Musicales do Conservatório de Paris, encerrou o evento com uma apresentação multimídia de seu grupo ‘Personne’.

Além da coletiva, os ‘Encontros Carbônicos’ promoveram debates (29/03, 04/04 e 12/04) de artistas e cientistas com o público. “A ideia é criar um espaço para a experiência transdisciplinar em que artistas e cientistas possam apresentar suas pesquisas. Os encontros se dão no interior da exposição, a ideia é que as discussões não se limitem às exposições orais dos presentes, mas perpassem também a materialidade das obras expostas”, explicam os curadores.

Entre os convidados para os diálogos estiveram os artistas visuais Tunga e Ricardo Basbaum, o coreógrafo Alejandro Ahmed, os matemáticos Gregory Chaitin (teórico da complexidade e professor emérito do IBM Watson Research Center) e Ricardo Kubrusly (também poeta e diretor do Instituto de História da Ciência da UFRJ), o cosmólogo Luiz Alberto Oliveira (pesquisador do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas) e a psicanalista Tania Rivera. Os debates foram transmitidos ao vivo pelo website do evento que também ofereceu um catálogo online, com fotografias das obras, textos, e material audiovisual produzido durante a exposição.

Os ‘Encontros Carbônicos’ procuram apresentar a arte como uma modalidade de produção de conhecimento tão importante quanto a ciência ou a filosofia. Obras e autores são convidados a instaurar um diálogo comum, trabalhando com perspectivas divergentes sobre a realidade”, explica Marina Fraga. “As proposições artísticas nos afetam sensorial e intelectualmente, muitas vezes instaurando uma realidade que diverge da racionalidade em que estamos acostumados a localizar o pensamento. Abre-se, então, uma fresta para a criatividade”, conclui. “Trata-se de um experimento que, como uma escultura mental, se construirá coletivamente. Nos interessa, especialmente, que o fluxo do pensamento se desenvolva, que as ideias copulem livremente”, completa Pedro Urano.

‘Encontros Carbônicos’ é uma iniciativa da revista online CARBONO, uma plataforma para diálogos entre pesquisas artísticas e científicas. Saiba mais em www.revistacarbono.com

A primeira edição dos ‘Encontros’ contou com o patrocínio da Funarte, através do edital Programa Rede Nacional de Artes Visuais e teve o apoio institucional da Despina | Largo das Artes.

 

Galeria de Fotos